Atuação Lírica

quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Lua menina


A lua segue no céu, imponente a brilhar,
Cá, na terra, sua presença faz toda a diferença
Seu brilho, na lavoura, traz bonança,
Tu, que serves de guia, ao horizonte navegantes
Aproxima corações sob sua luz a namorar.
Venha aqui menina Lua,
A cada mês você surge irresoluta a crescer:
Tu que fostes um dia lua, menina,
Talvez saiba que sua presença encanta todo meu ser.
Na pausa, no silêncio, em gesto une,
Lembro do cheiro de seu delicado perfume;
Ao longe você me traz o mar
Com sua delicada forma de amar.
Em cada noite, contemplo você
Lua menina.

Luiz Gonzaga

0 comentários:

Postar um comentário